Compartilhe

Delegado afirma que investigações continuam no crime de Junior Pré-moldados e que pode haver mais prisões

Na manhã deste quarta-feira, o delegado de homicídios de Patos, Dr. Diego Beltrão, prestou entrevista por telefone ao apresentador Abrantes Junior na rádio espinharas AM e FM , revelou ainda que as investigações continuam e no máximo em trinta dias fecha o inquérito e remete a justiça. Para o delegado, preservar os detalhes da operação é de grande importância para não comprometer o desfecho final que culminou na prisão de Xavier e seu filho Arlan, principais suspeitos de serem os mandantes do crime contra Junior Pré-moldados.  Ambos eram tio e primo da vítima. Dr.Diego reforçou mais uma vez que o crime ocorrido no dia 2 de janeiro deste ano teria sido motivado por causa da empresa de pré-moldados pertencente a vítima onde os mandantes tinham uma parcela minoritária .

« Voltar

Política

FALTOU GESTÃO E INVESTIMENTO: EMISSORA DO SISTEMA CORREIO DEMITE TODOS OS FUNCIONÁRIOS APÓS FRACASSO EM AUDIÊNCIA

Política

Secretário da Prefeitura de Patos se irrita com as críticas e oferece lanche e jantar a imprensa para ver o que ele está fazendo

Política

Julian Lemos é nomeado coordenador da equipe de transição do governo na Região Nordeste